Vou tornar esse conhecimento mais profundo porque eu já sabia disso num nível superficial, e, nesse nível, ele não foi capaz de mudar a minha vida, mas quando eu entendi num nível profundo, tudo se transformou.

Explicando como cocriamos a nossa vida de forma consciente ou inconsciente.

Nós somos um campo de energia que atrai para dentro de si, mais daquilo que já existe dentro de si.

Na prática, se queremos ter uma vida maravilhosa, cheia de experiências incríveis, precisamos ter extrema felicidade dentro de nós e quanto mais extraordinária desejarmos que a nossa vida seja, mais felicidade teremos que experimentar agora com a vida que já temos. Para isso, a gratidão é uma ferramenta poderosa: quanto mais reconhecermos as bênçãos que já temos agora e quanto mais conseguirmos sentir felicidade com essas bênçãos, mais felicidade experimentaremos como efeito da Lei da Atração!!!

A gratidão é uma ferramenta surpreendente pois nos permite reconhecer que tudo que há em nossa vida é bênção e quando nos empenhamos nisso, conseguimos perceber que até o que “acreditávamos” ser ruim, na verdade, é algo bom, pois está nos tornando conscientes de algo dentro de nós que precisa ser curado.

Vou esclarecer melhor: tudo que há dentro de nós, pensamentos, sentimentos, emoções e crenças conscientes ou inconscientes criam a vida que experimentamos, mas nós só temos consciência de uma pequena parte, por volta de 15% quando estamos no nosso máximo de atenção, pois quando estamos distraídos pode ser muito menos... mas, voltando: nós não temos consciência de 85% ou mais do que somos (pensamentos, sentimentos, emoções e crenças), e toda a nossa energia consciente ou não está direcionando a nossa vida e criando as experiências que estamos vivendo e os fatos são o resultado disso.

Cada situação experimentada é a criação perfeita de algo dentro de nós e aí começamos a descobrir o que está guardado em nosso subconsciente e inconsciente. Costumo dizer que somos o(a) diretor(a) de nossa vida: escrevemos os scripts e entregamos a cada pessoa que entra no palco da nossa vida que passa a ser o ator ou atriz que vai encenar esses scripts. Escrevemos o roteiro e cada fala segundo esse montante de pensamentos, sentimentos, emoções e crenças conhecidos e desconhecidos que guardamos, portanto, tudo que acontece é como uma placa ligada ao que há dentro de nós. Gostando ou não, é o nosso reflexo exato. Quando gostamos, devemos ser gratos(as) pela experiência prazerosa. Quando não gostamos, devemos ser gratos(as) por nos tornar conscientes de algo que precisa ser curado. Como a gratidão é uma energia altíssima, uma face do amor, quando agradecemos, estamos enviando essa vibração para o que há dentro de nós que gerou a experiência desagradável e a causa começa a ser curada. Quanto mais gratos, mais energia curativa estaremos enviando diretamente à causa do problema, mesmo que não saibamos qual seja ela, começamos a nos sentir felizes e como o campo de energia mudou para felicidade, é isso que atrairemos.

Portanto, para sermos felizes e experimentarmos uma vida abundante em todas as áreas, precisamos ser felizes com o que somos e temos agora, neste exato momento! Para isso, limpe todo o lixo emocional que está impedindo a sua felicidade, seja grato por tudo e por todos, perdoe a si mesmo(a) e aos outros e experimente a vida dos seus sonhos!!!

Denise Monteiro